CONCURSO PRF (2019) – PROVA DE INFORMÁTICA – TODAS AS QUESTÕES COMENTADAS

prf-foto-Luca-_Gebara-Ag__ncia-AL

PROVA: POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL

ORGANIZADORA: CESPE

DATA DE APLICAÇÃO: 03/02/2019

COMENTÁRIOS FEITOS POR: PROFESSOR PABLO LEONARDO (@PROFESSORPABLOLEONARDO)

29) As versões mais modernas dos navegadores Chrome, Firefox e Edge reconhecem e suportam, em instalação padrão, os protocolos de Internet FTP, SMTP e NNTP, os quais implementam, respectivamente, aplicações de transferência de arquivos, correio eletrônico e compartilhamento de notícias.

RESPOSTA: ERRADA.

Essa é uma questão que merece cautela ao ser resolvida. Pelo que percebo dos meus alunos, as pessoas morrem de medo de resolver as questões que envolvem conceitos relacionados a protocolos de Internet e acabam pecando por não analisarem todo o texto com a devida atenção.

Vamos lá, vamos analisar cada palavra dessa questão.

Primeiramente é necessário saber que Browser é um software que lhe permite navegar pelas páginas e documentos da Web. Isso é básico! No processo de navegação, o Browser utiliza o protocolo HTTP ou HTTPS, que são os protocolos de transferência de hipertexto. É possível também que, no Browser, seja utilizado o protocolo FTP, no caso de uma possível transferência de arquivos (embora seja possível fazê-lo também som o HTTP). O protocolo SMTP é um protocolo de envio de e-mails e, sendo assim, não é suportado pelo navegador, mas sim pelas ferramentas de e-mail, como o Outlook, Thunderbird, etc. Aqui já encontramos um erro.

Outro erro surge ao falar sobre o protocolo NMTP(Network News Transfer Protocol) que era utilizado para compartilhamento de notícias, aliás, era utilizado pelos grupos de notícias. Esses grupos de noticias funcionavam como feeds de RSS, ou seja, a cada nova noticia postada o usuário a recebia em sua ferramenta de correio eletrônico, ou seja, novamente, surge um erro ao falar que esse protocolo é suportado por um Browser.

Resumindo: de todos os protocolos listados, o único que é suportado pelo Browser é o FTP.


30) Por meio de uma aplicação de acesso remoto, um computador é capaz de acessar e controlar outro computador, independentemente da distância física entre eles, desde que ambos os computadores estejam conectados à Internet.

RESPOSTA: CERTA (CABE RECURSO).

Uma aplicação de conexão remota permite, de fato, que um computador se conecte a outro, independente da distância que os separa. O pré-requisito para que isso acontece é que os computadores estejam em rede, seja ela qual for.

No caso de os computadores estarem próximos, essa conexão pode se dar através da rede local e, nos casos em que estiverem mais distantes, faz-se necessária a utilização da Internet.

Ao meu modo de ver, o erro surge quando a banca diz

“independentemente da distância física entre eles, desde que ambos os computadores estejam conectados à Internet”

Ao meu modo de ver, o que a banca quis dizer aí foi que, estando perto ou estando longe, é necessário utilizar a Internet e, como exposto acima, no caso de estarem próximos, uma conexão com a Internet não é necessária e, por esse motivo, acredito que a questão seja passível de recurso.


31) No fluxo de pacotes em uma rede de computadores, a qualidade de serviço é determinada pelos parâmetros relacionados a propagação, recuperação,  interferência e perda de dados.

RESPOSTA: ERRADA.

Acredito que, de uns 15 anos para cá, essa foi a primeira vez que o CESPE falou em “qualidade de serviço” em provas de concursos públicos. Na verdade, essa questão foi colocada porque o edital citava conhecimentos de redes, além da Internet, é claro.

Ao meu modo de ver, essa foi a questão mais difícil, aquela que todo mundo tem o direito de errar (rs…). De toda forma, vamos ver o que a Bibliografia de Andrew Tanembaum, uma das mais aclamadas bibliografias sobre redes de computadores, fala sobre esse assunto:

“Uma seqüência de pacotes desde uma origem até um destino é chamada fluxo. Em uma rede orientada a conexões, todos os pacotes que pertencem a um fluxo seguem a mesma rota; em uma rede sem conexões, eles podem seguir rotas diferentes. As necessidades de cada fluxo podem ser caracterizadas por quatro parâmetros  principais: confiabilidade, retardo, flutuação e largura de banda. Juntos, esses parâmetros definem a QoS (Quality of Service — qualidade de serviço) que o fluxo exige.”

Note que o erro surge ao listar os parâmetros que determinam a qualidade de serviço. A questão lista como “propagação, recuperação,  interferência e perda de dados”, sendo que, na verdade, o correto seria “confiabilidade, retardo, flutuação e largura de banda”.

Por esse motivo, a questão está errada.


32) No acesso a uma página web que contenha o código de um vírus de script, pode ocorrer a execução automática desse vírus, conforme as configurações do navegador.

RESPOSTA: CERTA.

Antes de eu começar a explicar a questão, veja a definição do termo Script:

“Script é um texto com uma série de instruções escritas para serem seguidas, ou por pessoas em peças teatrais ou programas televisivos, ou executadas por um programa de computador. O termo é uma redução da palavra inglesa manuscript, que significa “manuscrito”, “escrito à mão”.”

Considerando o ponto de vista da computação, um script é um conjunto de instruções que um programador escreve e que um software ou computador executa quando solicitado. É possível inserir, dentro de um site, um script malicioso, ou seja, que executa ações danosas ao computador e ao usuário. Dependendo das configurações do Browser, esse script poderá ser executado automaticamente. Caso o usuário use configurações mais conservadores, possivelmente seu Browser impedirá essa execução ou pedirá permissão.

Vamos organizar as coisas aqui. Existem 3 possibilidades então:

1 – O script ser executado automaticamente

2 – O script não ser executado

3 – O browser questionar o usuário sobre a execução de tal script

Sendo assim, por existir a possibilidade de ser executado automaticamente, podemos dizer que a questão está correta.


33) Programas anti-spyware usam basicamente mecanismos de análise comportamental, análise heurística e inteligência artificial para detectar software de spyware instalado indevidamente em um sistema.

Resposta: ERRADA (CABE RECURSO)

A organizadora deu a questão como errada, mas, ao meu modo de ver, não há nada de errado com ela e por isso mesmo formulei um recurso para ela, assim como fiz para a questão 30.

Spyware é um malware, ou seja, um software espião que monitora os hábitos do usuário, monta relatórios e envia para entidades externas. Os softwares usados para detecção e eliminação de spywares são os antispywares. Esses softwares, os antispywares, podem detectar esses malwares das seguintes formas:

“Assinatura (uma lista de assinaturas é usada à procura de padrões), heurística (baseia-se nas estruturas, instruções e características que o código malicioso possui) e comportamento (baseia-se no comportamento apresentado pelo código malicioso quando executado) são alguns dos métodos mais comuns.”

O parágrafo acima foi retirado da cartilha de segurança na Internet elaborada pelo Cert.br. Note que as formas de detecção listadas no parágrafo retirado da cartilha são exatamente as mesmas que se encontram na questão e, por esse móvito, a questão deve ser considerada como correta.


34) A computação em nuvem do tipo software as a servisse (SaaS) possibilita que o usuário acesse aplicativos e serviços de qualquer local usando um computador conectado à Internet.

RESPOSTA: CERTA.

Como esperado, o CESPE cobrou computação em nuvem. Existem diversos modelos de utilização de computação em nuvem. As mais conhecidas são PaaS (Plataforma como serviço), IaaS (Infraestrutura como serviço) ou SaaS (Software como serviço). A questão 34 fala exatamente da última sigla citada: SaaS.

Há não muito tempo atrás, se você precisasse de utilizar um software, a única forma de tê-lo era comprando ou baixando esse software de algum local na Internet. Resumindo: para utilizar o software era necessário que esse software estivesse instalado em seu computador. Com a chegada e a popularização da computação em nuvem, essa obrigatoriedade ficou mais flexível, ou seja, existem alguns softwares que estão instalados em grandes servidores da nuvem e basta que nós, usuários, nos conectemos aos servidores (pagando ou não por isso) e utilizemos aquele software. Isso é chamado de SOFTWARE COMO SERVIÇO (SaaS).

A definição inserida na questão é perfeitamente correta.

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A prova de informática não foi uma prova difícil, acontece que duas questões são passíveis de recursos. Formalizei os dois recursos e enviei para os meus alunos. Caso queira receber os recursos, clique aqui.

Um abraço!

Pablo Leonardo

 

 

 

CompartilharShare on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Email this to someone

One thought on “CONCURSO PRF (2019) – PROVA DE INFORMÁTICA – TODAS AS QUESTÕES COMENTADAS

  • Por Flavio Dias - Reply

    Trabalho fantástico! Fico muito feliz em poder indicar o site para meus alunos, se tivessem um sistema de afiliados seria melhor ainda hahaha
    Abraços

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *
Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>