PCMG – PERITO – RECURSOS (INFORMÁTICA)

OLÁ, TUDO BEM?

esse post se destina à divulgação de argumentações para recursos das provas de informática do concurso da POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS, caro de Perito, aplicadas no ano de 2021.

Meu nome é PABLO LEONARDO (@professorpabloleonardo),  sou Professor de Informática para concursos públicos desde 2004. Também sou criado do site Estudo TOP e leciono nos principais cursos preparatórios do Brasil.

Vamos lá?

QUESTÃO 43

> Cargo: Perito Criminal
>>> GABARITO TIPO 1

Acerca de códigos maliciosos, analise as afirmações a seguir:

I. Um computador infectado por um backdoor é chamado de zumbi, e uma coleção deles é chamada de botnet.

II. Diferente do vírus, o worm se propaga por meio da inclusão de cópias de si mesmo em outros programas ou arquivos, e não pela execução direta de suas cópias.

III. Trojan é um programa que disfarça seu código malicioso através de uma função útil ao usuário.

IV. O spyware não pode ser usado de forma legítima em nenhuma circunstância. 

Está CORRETO o que se afirma em:

(A) I e III, apenas. 

(B) I, II, III e IV. 

(C) I, III e IV, apenas.

(D) II e III, apenas.

Gabarito Preliminar: letra A

SOLICITAÇÃO: ANULAÇÃO DA QUESTÃO

JUSTIFICATIVA

Vejamos como a cartilha de segurança para a Internet (disponível em cert.br) define o termo Backdoor: 

“Backdoor Tipo de código malicioso. Programa que permite o retorno de um invasor a um computador comprometido, por meio da inclusão de serviços criados ou modificados para esse fim. Normalmente esse programa e colocado de forma a não a ser notado.” 

Agora, vejamos como a mesma cartilha define o temo bot:

“Tipo de código malicioso. Programa que, além de incluir funcionalidades de worms, dispõe de mecanismos de comunicação com o invasor que permitem que ele seja controlado remotamente.”

Por fim, vejamos como a cartilha define o termo botnet:

“Rede formada por centenas ou milhares de computadores infectados com bots. Permite potencializar as ações danosas executadas pelos bots e ser usada em ataques de negação de serviço, esquemas de fraude, envio de spam, etc. “

Agora, vamos analisar o que diz o item I da referida questão:

“I. Um computador infectado por um backdoor é chamado de zumbi, e uma coleção deles é chamada de botnet.”

Esse item é dado como correto pelo gabarito preliminar, mas não é. As definições transcritas acima, presentes na cartilha de segurança que é referência no nosso país e também NOS LIVROS DE REFERÊNCIA MAIS CONFIÁVEIS, são extremamente claras. O software que torna um computador um zumbi é o bot e não o backdoor.

Backdoor sim, permite que um invasor retorne ao computador infectado, mas não o torna necessariamente um zumbi.

Backdoor não fará com que o computador se torne NECESSARIAMENTE um dos bots de uma botnet.

Por usar definições incorretas, solicito que a questão seja anulada.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.